DÓLAR HOJE:
Euro Hoje
14 de julho de 2024
Search
Close this search box.

TRE determina que eleição suplementar de Campo Grande, AL, seja realizada em 11 de abril

Compartilhe este artigo

Partidos têm até o dia 4 de março para solicitar registro dos candidatos (Foto: Fábio Pozzebom/Agência Brasil).

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AL) determinou para o dia 11 de abril a nova data para a eleição suplementar para os cargos de prefeito e vice-prefeito do município de Campo Grande, após o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) anular os votos de Arnaldo Higino, que foi eleito em 2020, por considerar irregular a aplicação de verbas federais repassadas ao município pela Funasa na época em que ele era prefeito.

A informação foi divulgada nesta sexta-feira (22).

Segundo o TRE, estão aptos a votar os eleitores que estiverem em situação regular até o dia 11 de novembro de 2020. Os partidos e coligações têm até o dia 4 de março para solicitarem registro de seus candidatos.

“Com a publicação desta Resolução iniciamos, oficialmente, todos os preparativos para a realização desta eleição suplementar em Campo Grande. Os partidos e candidatos devem atentar para os prazos previstos e também para as normas sanitárias impostas pelos órgãos de Saúde para garantir a segurança de todos os envolvidos no processo eleitoral”, ressaltou o presidente do TRE, desembargador Otávio Leão Praxedes.

O TRE disse ainda que o cartório da 20ª Zona Eleitoral funcionará a partir do dia 4 de março até 11 de abril, das 13h às 19h nos dias úteis, e ficará em regime de plantão aos sábados, domingos e feriados, das 15h às 19h.

A prestação de contas deverá ser encaminhada até o dia 23 de abril, prazo limite para a diplomação dos candidatos eleitos.

Convenções partidárias e pesquisa eleitoral

As convenções partidárias no munícipio, conforme a resolução, devem acontecer entre os dias 25 e 28 de fevereiro. Esses eventos podem ser realizados de forma virtual e devem estar de acordo com as normas contidas no estatuto partidário.

Já em relação as pesquisas eleitorais de opinião pública devem ser registradas no site do TSE, a partir do dia 25 de fevereiro.

Propaganda eleitoral

De acordo com o TRE, a propaganda eleitoral será permitida a partir do dia 5 de março. Os candidatos devem respeitar os prazos fixados no Calendário Eleitoral da Resolução de nº 16.105. Não haverá propaganda eleitoral gratuita em rádio e televisão.

Além disso, as restrições sanitárias impostas pelas autoridades, devido à pandemia da Covid-19, devem ser observadas.

Compartilhe este artigo

Deixe seu comentário

Para comentar na página você deve estar logado em seu perfil do Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral poderão ser denunciados, acarretando até mesmo na perda da conta. Leia os termos de uso e participe com responsabilidade.

Comercial

Redação

© COPYRIGHT 2023 – GOCOM GRUPO ONLINE DE COMUNICAÇÃO. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.