DÓLAR HOJE:
Euro Hoje
7 de dezembro de 2022

Juiz determina que tutora faça cães pararem de latir para não incomodar vizinhos em prédio em Maceió

Compartilhe este artigo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

O barulho dos latidos de cães em um apartamento na Ponta Verde, em Maceió, foi parar na Justiça. Incomodada, uma moradora do prédio abriu um processo contra a vizinha e o juiz que julgou a ação determinou que a tutora faça com que seus animais domésticos interrompam o barulho para não incomodar os vizinhos. Cabe recurso da decisão.

A decisão é do dia 15 de agosto, mas repercutiu essa semana nas redes sociais. O juiz Sérgio Wanderley Persiano, da 11ª Vara Cível da Capital, deu decisão favorável à reclamante.

“(…)adoção de providências imediatas de modo que seus animais domésticos interrompam a emissão de sons e ruídos de modo a incomodar os vizinhos”, disse o magistrado na sentença.

À tutora, foi dado o prazo de três dias para que sejam tomadas as providências quanto aos ruídos dos cães. O juiz aplicou multa diária no valor de R$ 200 em caso de descumprimento.

O prazo para contestação é de 15 dias a contar a partir do recebimento da notificação. O Tribunal de Justiça de Alagoas não informou se a ré já foi notificada ou se foi apresentado recurso no processo.

Fonte: G1
Foto: Tania Medina

Compartilhe este artigo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Deixe seu comentário

Para comentar na página você deve estar logado em seu perfil do Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral poderão ser denunciados, acarretando até mesmo na perda da conta. Leia os termos de uso e participe com responsabilidade.

Comercial

Redação

© 2020-2021 Imprensa Online – Todos os direitos reservados

Desenvolvido Por