DÓLAR HOJE:
Euro Hoje
27 de fevereiro de 2024

Exército se prontifica em ajudar bairros afetados por movimentação do solo em Maceió

Compartilhe este artigo

Reunião foi realizada no 59º Batalhão de Infantaria Motorizada (BIMtz), em Maceió (Foto: Divulgação/Prefeitura de Maceió)

O Exército Brasileiro se colocou à disposição do município de Maceió para ajudar nos bairros afetados pela movimentação do solo, devido à extração de sal-gema, durante uma reunião com o coordenador do Gabinete de Gestão Integrada para a Adoção de Medidas de Enfrentamento aos Impactos do Afundamento dos Bairros (GGI dos Bairros), Ronnie Mota.

A reunião foi realizada no 59º Batalhão de Infantaria Motorizada (BIMtz) na última segunda-feira (11), no bairro do Farol, a convite dos militares.

Na ocasião, o comandante do 59º BIMtz, tenente-coronel Rodrigo Almeida Paim, apresentou algumas das ações realizadas pelo batalhão e informou que os militares estão acompanhando o caso dos bairros na capital. Dos quase 800 militares da corporação, cerca de 300 já participaram de um simulado de evacuação das áreas atingidas.

“Nós temos um contingente que já participou da Operação Maceió e da Operação Alagoas, mas estamos prontos para futuras simulações, envolvendo todo o Batalhão, para que possamos ser a ‘mão amiga’ junto a população e ao município de Maceió”, falou o comandante.

Para o coordenador do GGI, Ronnie Mota, o apoio do Exército Brasileiro é de grande importância, já que os militares têm a experiência de grandes ações humanitárias.

“Essa parceria com o Exército tem que ser intensificada para garantir apoio ao maceioense, em especial a essa parcela da população atingida por essa tragédia. Na próxima sexta-feira (15) nós deveremos fazer uma visita para que possamos apresentar as áreas dos bairros do Pinheiro, Bom Parto, Bebedouro, Mutange e Farol ao comando do Exército em Maceió, e definir junto a Defesa Civil Municipal quais serão nossas próximas ações”, disse.

Cerca de 300 militares já participaram de um simulado de evacuação das áreas atingidas (Foto: Divulgação/Prefeitura de Maceió)

Compartilhe este artigo

Deixe seu comentário

Para comentar na página você deve estar logado em seu perfil do Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral poderão ser denunciados, acarretando até mesmo na perda da conta. Leia os termos de uso e participe com responsabilidade.

Comercial

Redação

© COPYRIGHT 2023 – GOCOM GRUPO ONLINE DE COMUNICAÇÃO. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.