DÓLAR HOJE:
Euro Hoje
23 de maio de 2024
Search
Close this search box.

Em reunião com o presidente, Paulo cobra punição dos envolvidos nos atos em Brasília

Compartilhe este artigo

O governador Paulo Dantas participou na noite desta segunda-feira (9), em Brasília, da reunião dos governadores com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em defesa da democracia. Ele destacou que a resposta das instituições foi rápida e eficaz para desestruturar qualquer crescimento dos atos terroristas que destruíram partes do Congresso Nacional, do Supremo Tribunal Federal e do Palácio do Planalto. Ao lado do presidente, Paulo caminhou até os prédios destruídos e observou com tristeza o tamanho da barbárie promovida pelos vândalos.

No encontro dos governadores, ficou definido que as instituições vão investigar para chegar até os financiadores dos atos golpistas em Brasília. Além disso, os governadores promoveram um manifesto pela democracia e união das instituições contra ações antidemocráticas e caminharam juntos entre os locais atacados nos atos de terrorismo que causaram prejuízos de milhões de reais, em prédios históricos. Desde domingo, cerca de 1500 manifestantes estão presos.

Vale lembrar que Alagoas agiu rapidamente em defesa do Estado democrático de direito e foi uma das primeiras unidades federativas a prestar solidariedade aos chefes dos Três Poderes da República, inclusive, enviando 50 policiais militares para reforçar a segurança na capital federal.

“Nós nos unimos para defender a democracia e contra os atos de terrorismo. Quando a gente sai do Palácio e vem andando para o Supremo e vê com os próprios olhos o tamanho da destruição a gente se indigna ainda mais”, afirmou o governador. “E vocês tenham certeza de que nós vamos unir todos os esforços para garantir o respeito às instituições, para garantir o fortalecimento da nossa democracia, que é a única forma de promover políticas econômicas e sociais que melhoram a vida da nossa gente”, acrescentou, ao lado da ministra Rosa Weber, presidente do STF; e do presidente em exercício do Senado, Veneziano Vital do Rêgo, e do presidente da Câmara, Arthur Lira.

RETIRADA DE ACAMPAMENTO ANTIDEMOCRÁTICO


Paulo ainda destacou que antes de viajar determinou o desmonte do acampamento dos manifestantes antidemocráticos, que ficava em frente ao quartel do Exército, em Maceió. Ele ainda oficiou aos comandantes da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros para que abram procedimentos investigatórios para averiguar se integrantes das corporações participaram dos atos terroristas em Brasília.

Além de Paulo, mais 22 governadores e outros 4 representantes participaram da reunião e do manifesto em defesa da democracia. Os outros quatro estados enviaram representantes. Todos os discursos no encontro foram de defesa da democracia e repúdio aos ataques do domingo. A secretária-chefe do Gabinete Civil, Luiza Barreiros, também acompanhou o encontro e o manifesto dos líderes políticos.4

Fonte: Agência Alagoas
Foto: Agência Alagoas

Compartilhe este artigo

Deixe seu comentário

Para comentar na página você deve estar logado em seu perfil do Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral poderão ser denunciados, acarretando até mesmo na perda da conta. Leia os termos de uso e participe com responsabilidade.

Comercial

Redação

© COPYRIGHT 2023 – GOCOM GRUPO ONLINE DE COMUNICAÇÃO. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.